Casal multado por hotel por crítica negativa no TripAdvisor

thecarol / Flickr

Um casal britânico foi “multado” em 100 libras (cerca de 125 euros) por um hotel onde deixou um comentário negativo no site de avaliações e dicas de viagens TripAdvisor.

Tony e Jan Jenkinson postaram o comentário negativo depois de passarem uma única noite no Broadway Hotel, em Blackpool, em Inglaterra.

Na sua review, descreveram o hotel como sendo “podre e mal cheiroso”.

Dias depois, o casal, natural de Whitehaven, constatou uma fatura de 100 libras no seu cartão de crédito. O hotel alegou que fazia parte da sua política cobrar por “comentários negativos”.

O Trading Standards (equivalente à DECO) informou que se encontra a investigar o caso.

Segundo as autoridades, o hotel deverá ter violado o código de defesa do consumidor.

A equipa de reportagem da BBC não conseguiu, contudo, entrar em contato com o diretor do hotel.

Reembolso

O hotel alega fazer parte da sua política cobrar por “comentários negativos”.

“Por cada crítica deixada em qualquer site, cobraremos uma taxa de no máximo 100 libras (125 euros) por comentário negativo”, afirma uma das diretrizes do Broadway Hotel, reunidas num documento à disposição dos hóspedes.

John Greenbank, diretor do serviço de proteção ao consumidor no norte da Inglaterra, afirmou que se surpreendeu com a decisão do hotel.

“Trabalho aqui há muitos anos e nunca vi nada semelhante.”

“A administração deste hotel pensa claramente que inventou uma maneira de impedir comentários negativos. Consideramos esta atitude como uma prática lesiva ao código de defesa do consumidor”.

O casal solicitou o reembolso do valor cobrado através da gestora do seu cartão de crédito.

Segundo John McCreesh, do Serviço de Proteção do Consumidor do Reino Unido, “os consumidores precisam de ter liberdade para ser honestos sobre os serviços que recebem”.

|  Vendas de PC continuam a cair e parece não haver salvação à vista

“Proprietários de hotéis devem focar-se em melhorar o seu serviço em vez de tentar calar clientes insatisfeitos por meio de ameaças ou multas.”

“As pessoas têm o direito de demonstrar sua insatisfação se o hotel onde ficam não atende as suas expectativas. Acredito que, de forma alguma, devem ser impedidas de dizer o que querem”.

 ZAP / BBC

1 COMENTÁRIO

  1. Acho abusivo por parte do hotel no entanto o comentário que
    fizeram também me parece abusivo, as pessoas pensam que
    têm o direito a dizer que lhes apetece

  2. Acho bem serem multados, afinal de contas são as regras do hotel, ele que tivessem lido antes. As pessoas hoje em dia acham que podem dizer tudo e mais alguma coisa na Internet. Preenchiam o livro de reclamações e esperavam que as autoridades actuassem, não havia necessidade de divulgar a opinião na Internet.

  3. É verdade que as pessoas podem dizer o que quiserem na internet, podendo ser verdade ou não, comentários demasiado negativos ou demasiado positivos, destoam do resto e não podem ser levados em conta, devia haver mais seriedade para o bem de todos. Na minha opinião, nem o hotel nem o cliente têm razão e deviam ser os dois punidos, depois de apurados os factos.

  4. Lendo os restantes comentários no TripAdvisor, suponho que o Hotel esteja a lucrar bastante com as multas. São praticamente todos uma estrela e as descrições terríveis.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here