Marca japonesa grava um sério pedido de desculpas (por aumentar preço do seu gelado em 9 cêntimos)

(cv) Akagi Nyugyo / YouTube

Fabricante de gelados japonesa gravou um vídeo com um sério pedido de desculpas dirigido a todos os seus clientes, por ter aumentado o preço de um dos seus produtos em nove cêntimos.

Em Portugal, assim como em qualquer outro país do continente europeu, o aumento do preço de um simples gelado seria algo tão banal que seriam poucas as pessoas a notar a diferença.

Aliás, o aumento significativo dos preços de vários bens e serviços é um fenómeno ao qual tivemos de nos habituar nos últimos anos, circunstâncias da crise económica e das políticas de austeridade.

Mas do outro lado do mundo, mais concretamente no Japão, este tipo de mudanças na vida das pessoas são tratadas com seriedade, quase tidas em conta como se de uma “questão de vida ou de morte” se tratasse.

Exemplo disso é o recente vídeo lançado pela Akagi Nyugyo, uma marca de gelados japonesa que teve de aumentar o preço de um dos seus produtos de 60 para 70 ienes, cerca de nove cêntimos de diferença.

A empresa não aumentava o preço dos seus produtos desde 1991, mas viu-se obrigada a fazê-lo por não ter conseguido escapar às consequências da crise económica que o país enfrenta.

Perante esta situação desanimadora, a fabricante de gelados quis demonstrar o seu arrependimento a todos os consumidores da marca através de um anúncio de 60 segundos.

Nas imagens pode ver-se o presidente da empresa, Inoue Sota, juntamente com outros sócios e os seus funcionários, com um ar sério e quase envergonhado.

Acompanhado por uma música japonesa, também ela muito melancólica, o vídeo termina com todos os presentes a curvar-se na direção dos consumidores que veem o anuncio, como num verdadeiro pedido de desculpas.

Se o nosso país adotasse esta medida para cada aumento de preços, é seguro dizer que a televisão portuguesa não teria mais tempo de antena a não ser para este tipo de anúncios.

ZAP / Hypeness

1 COMENTÁRIO

  1. Sério e japonês na mesma frase?!
    Tá bonito!…
    São do mais manhoso que há, mas tem jeito para estas campanhas para entreter palermas!…

  2. Ó língua viperina, quem nos dera a nós o nível cívico dos japoneses.
    Estamos tão habituados a ver banalizados assuntos sérios, da nossa vida política, económica e até mesmo laboral, que qual cordeiros adormecidos permitimos mil e uma afrontas da parte de quem acha que manda.
    Sim, pedir desculpa é uma questão de educação, e por lá até os políticos pedem desculpa e demitem-se se há algo mal (não é preciso pressões, tomam a iniciativa de se demitirem!!!). Cá só saem do poleiro se forem obrigados.

  3. Serei cínico, mas parece-me mais uma manobra publicitária do que um verdadeiro e sentido pedido de desculpas – ainda que, reconheço, os japoneses conservem um nível cívico muito superior à média mundial, nem falo da tugalândia.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here