Suspensa a venda de 27 suplementos para performance sexual e emagrecimento

SXC

A ASAE e o Infarmed ordenaram a retirada do mercado de 27 suplementos destinados ao emagrecimento e a melhorar a performance sexual, considerando que são um risco para a saúde pública.

O jornal Expresso dá conta da informação, anunciando que as autoridades da segurança alimentar e do medicamento encontraram “substâncias activas não permitidas” que tornam o consumo destes suplementos “um risco para a saúde pública“.

A ASAE e o Infarmed terão recolhido um total de “98 suplementos alimentares que se encontravam disponíveis no mercado, suspeitos de falsificação e/ou adulteração com substâncias com acção farmacológica” idênticas às que compõem os medicamentos, conforme adianta o Expresso.

Deste número global, foram chumbados 27 suplementos nas análises laboratoriais, “dos quais 22 são destinados à melhoria do desempenho sexual e cinco suplementos para emagrecimento”, revela o mesmo jornal.

A ASAE e o Infarmad continuarão, depois de determinada a suspensão da venda destes suplementos, a supervisionar este sector, com enfoque particular nos chamados produtos “naturais”, evidencia o Expresso.

ZAP

|  Governo denuncia "sucessivos aumentos" ilegais dos combustíveis em Portugal

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here