Dicas sobre Plugins WordPress

Plugins são scripts que adicionam novas funcionalidades ao WordPress, existem milhões de plugins espalhados pela Internet, uns pagos e outros gratuitos. Neste artigo vamos ver 3 plugins essenciais para o seu website e cuidados a ter com os mesmos.

WordPress Plugins

Plugins essenciais para o WordPress

Nem todos os plugins são bons ou fazem exatamente aquilo que procuramos, é importante pesquisar e testar vários até encontrar aquilo que você realmente procura. Abaixo deixo uma lista de plugins essenciais para o seu website WordPress:

Askimet

Um plugin feito pela Automattic (empresa que gere o WordPress.com), já vem instalado por omissão e tem como objetivo controlar o SPAM nos comentários do seu blog /website.

Para o colocar a funcionar terá de ir ao website do plugin e fazer o registo para que lhe seja atribuída uma chave.

WordPress SEO by Yoast

Considerado dos melhores plugins para SEO, tem um vasto leque de configurações e funcionalidades, das quais destacam-se:

  • Breadcrumbs;
  • XML Sitemap;
  • Configurações adicionais para Permalinks (Ligações permanentes);
  • Otimização de Metatags;
  • Funcionalidades para redes sociais (Open Graph, etc).

Estas são apenas algumas das funcionalidades básicas do WordPress SEO by Yoast, se ainda não sabe o que é SEO, leia o nosso artigo sobre otimização dos artigos para os motores de busca.

W3 Total Cache

O objetivo do W3 Total Cache é otimizar o seu website a nível de performance, é um plugin gratuito, robusto e conhecido pela comunidade WordPress. Permite a compressão gzip, utilização de CDN’s, minifica os ficheiros, cria versões em cache do seu website, etc.

Se pretende aumentar a velocidade do seu website e poupar banda larga é sem dúvida uma das melhores soluções para si.

Cuidados a ter com plugins

Mantenha os plugins sempre atualizados

Por vezes são criadas falhas de segurança devido a plugins desatualizados, mantenha-se atento e atualize sempre que for necessário.

Antes de atualizar qualquer plugin é sempre aconselhável realizar um backup do seu website, pois por vezes devido a problemas (falha de internet, erros de programação no plugin…) poderá acabar por corromper toda a plataforma.

Não instale versões piratas

Quando toca a pagar é sempre chato, porém acredite que mais vale pagar por um serviço e ter o produto desejado do que acabar por criar uma falha de segurança enorme no nosso negócio, utilizar plugins pirateados poderá ter consequências como:

  • Publicidade e redirecionamentos indesejados;
  • Roubo de passwords, utilizadores, emails e afins;
  • Perder todo o seu trabalho;
  • Processos.

Teste plugins num WordPress de testes

Se possível nunca teste plugins no seu website, crie uma instalação do WordPress apenas dedicada para fazer testes, desta maneira poderá evitar imensos problemas futuros.

Epero que estas dicas tenham sido úteis para si!

Categoria:Truques e Dicas

Etiquetas:

2 comentários

  1. Olá,

    Mais um artigo realmente muito interessante.

    Desde já quero lhe dar os parabéns pelo seu artigo está realmente muito completo.

    Eu gostei muito da forma como foi escrito está realmente muito explicativo

    Parabéns

    Nilton Falé

  2. Olá Nilton,

    Desde já muito obrigado pelo comentário, as suas palavras foram muito boas de ouvir e dá-nos vontade de fazer mais e melhor!

    Continue atento aos nossos conteúdos sobre WordPress que irá gostar dos próximos!

    Obrigado,
    Tiago Martins

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigo por: Tiago Martins

Jovem empreendedor no mundo da internet, atualmente sou especializado em Front-end development e Search Engine Optimization (SEO).